domingo , setembro 26 2021
Home / Sem categoria / Porte de drogas e o latrocínio

Porte de drogas e o latrocínio

A Polícia Militar de Rio Claro atendeu ocorrência de porte de drogas no início nesta madrugada de sábado (11 de setembro) na Rua 5 com Avenida 5, Jardim Nova Ipeúna, em Ipeúna. Autor, 20 anos, averiguado pelos policiais.
O averiguado conduzia GM Corsa de cor preta, placas de Rio Claro, em atitude suspeita, ao lado de passageiro, o motorista não tem CNH (Carteira Nacional de Habilitação.
Os policiais apreenderam dichavador e quatro porções de maconha, averiguado disse ser o entorpecente para consumo pessoal.

Capturado na pista

Procurado, 42 anos, pedreiro, morador em Jaú, foi capturado pela Polícia Militar às 18h nesta sexta-feira (10 de setembro) no Km 165 na altura de 500 metros na pista sul na SP-310 na Rodovia Washington Luís, próximo de Santa Gertrudes, região de Rio Claro.
Os policiais foram atender ocorrência de acidente de trânsito, constataram o procurado pela Justiça.

Capturado no bairro

Procurado, 33 anos, morador no Distrito de Batovi, foi capturado pela Polícia Militar às 16h de sexta-feira na Avenida Saburo Akamine, no Jardim São Paulo II, região oeste de Rio Claro.
O capturado conduzia motoneta com placa artesanal, em atitude suspeita.

Flagrante, violência doméstica

Flagrante de violência doméstica foi registrado às 20h15 de sexta-feira no Km 10 na Estrada de Corumbataí, próximo ao sítio Boa Vista, região rural de Rio Claro. Acusado, 33 anos, operador de produção, detido pela Polícia Militar.
Segundo a vítima, sua companheira, 39 anos, foi agredida na cabeça, o filho do casal sofreu agressão. O indiciado já tinha registro de violência doméstica.

Facadas, Jardim Centenário

Caso de lesão corporal à facada e recíproca foi registrado às 21h de sexta-feira na Rua 16-JN, Jardim Centenário, região oeste de Rio Claro. Autores e vítimas, o idoso, 64 anos e o rapaz, 21 anos, socorridos à UPA (Unidade de Pronto Atendimento) na Avenida 29 no Bairro do Estádio, região sul.
A Polícia Militar teve conhecimento que autor a vítima estavam na unidade médica.

Caso Nenê Bortolin, condenação

O caso do latrocínio, roubo seguido de morte contra o representante comercial Carlos Alberto Bortolin, 55 anos, “Nenê Bortolin”, no final de 2020 em frente de bar no bairro Consolação, região sul de Rio Claro, teve julgamento na sexta-feira.
O trio de acusados recebeu condenação no regime fechado de prisão.
Foto ilustrativa

Veja Também

Capturado, tráfico e animais

A Polícia Civil de Rio Claro registrou ocorrência de condenado capturado às 14h nesta terça-feira ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *